Evans musa inspiradora“Nessa altura não conhecia a definição Paleo, e sem o saber, já a estava a praticar.”

Existem algumas pessoas, no panorama nacional do “esforço” de divulgação do estilo de Vida Paleo / Primal, que se destacam, pela sua capacidade de inspirar, motivar e “comunicar a nossa mensagem”. São pessoas que conquistaram a afeição e confiança da comunidade Paleo / Primal e são frequentemente apontadas como referência e exemplo…

NUTRIrevolução convidou algumas dessas pessoas a partilharem conosco um pouco da sua “história” e experiência nestas opções “alternativas” de alimentação e modo de vida…

PERFIS PALEO

Para inaugurar a série de “Perfis Paleo”, convidámos Ana Carina Evans, mais conhecida como EVANS AC, que se inicialmente se popularizou extraordináriamente entre o nosso “mundinho Paleo”, pelas suas criativas adaptações de doçaria tradicional portuguesa, para versões “Paleo” (como podemos ignorar “diabólicos” doces como o célebre Pão de Ló da Evans“, entre outros igualmente tentadores… 😉

A 4 de março de 2018, a Evans criou o Grupo Na Cozinha Paleo com a Evans, associado à sua página com o mesmo nome… Para tal juntou uma equipa de pessoas entusiastas do estilo de vida e opções nutricionais Paleo / Primal (entre as quais este vosso amigo 😉 ) e juntos lançaram-se na “loucura” de “construir” um Grupo de inspiração Paleo / Primal, com o objectivo de partilhar os extraordinários benefícios que todos obtivemos com a adopção destes conceitos…

Rápidamente o grupo cresceu, fruto quer do carisma da Administradora e Moderadores (humildade em excesso também faz mal)  😀 mas sobretudo pela orientação para um bom ambiente, solidário, fraternal, quase familiar. Partilhas, comentários e críticas construtivas são bem vindas, mas para “ataques” e mau ambiente existe tolerância zero!

Felizmente que todos se sentem bem neste ambiente e com estas orientações, pelo que o clima que se “vive” no Grupo é extremamente salutar e convida à presença e participação frequente. Estamos muito orgulhosos do nosso “cantinho” 🙂

Projectos inovadores como o PAP (Projecto de Apadrinhamento Paleo), têm feito a diferença e ajudado a destinguir este Grupo. “Desafios” alimentares, mais ou menos regulares, que incentivam / motivam a darem passos no sentido da eliminação de alimentos menos recomendáveis e a adopção de melhores alternativas, são também muito populares. A experiência da partilha diária dos percursos nos Desafios, ajudam a motivar e manter a convicção “forte” durante os mesmos. Nunca estamos sós!

Evans musa inspiradora

ENTREVISTA:

Quando consideras que iniciaste a tua “descoberta” de um estilo de vida e nutrição Paleo / Primal (ou a “tua” forma de descrever aquilo que segues)?

Considero que o meu percurso Paleo tenha iniciado há cerca de 8 anos atrás, altura em que os alimentos processados e refinados foram largamente reduzidos na minha alimentação, e o jejum (entenda-se por longos períodos sem qualquer alimento sólido ou líquido – diferente de jejum intermitente ou de hidratos) foi iniciado na minha vida.

Nessa altura não conhecia a definição Paleo, e sem o saber, já a estava a praticar.

Quais foram as tuas motivações? O que provocou o “click”?

O “click” foi provocado pela própria vida, que sempre nos impulsiona a aprender e a ser melhor. Quando chegas ao ponto em que a tua vida não tem sentido, é porque já estás na zona de conforto. Evoluir significa sair dessa zona, e para mim foi literal pois foi numa viagem a uma Ecovilla no Brasil que aprendi o verdadeiro significado de se ser Paleo, que está muito além de uma alimentação sem glúten. É sobretudo uma forma de viver, positiva, leve e “solta.” Com o essencial e com o verdadeiro, e isso reflecte-se na alimentação.Evans musa inspiradora

Como descreves os primeiros tempos? Foi díficil a “mudança” de opções?

Quando estás rodeado(a) de pessoas com a mesma visão e ideais, tudo se torna mais fácil! Quando fazes o melhor para ti, e realmente vês resultados positivos; quando decides que és tu quem decide o que é melhor para ti, e sabes que tens a capacidade, a força e auto-estima necessárias; quando te sentes a superar-te, ganhas como se uma adrenalina… é bom, é estimulante, é motivante! Difícil porquê?

Sentiste que as “tuas pessoas”, quem tinhas à tua volta, familiares, amigos, colegas, foram aliados ou trataram-te como um ET? 😊

Sinto-me um ET quase sempre, portanto não seria algo novo! ahah!
Quem me conhece sabe que gosto de fazer as coisas de forma um pouco diferente, então já não é novidade, aliás, até se interessam 🙂 Além de gostarem das coisas que cozinho, vêm também os resultados positivos na minha vida, e passo então a ser como uma influência positiva.

Evans musa inspiradora

Quando tiveste a “certeza” de que estavas no “caminho” certo? E quando as pessoas à tua volta se “renderam” à evidência (se aconteceu…)?

 

Sinto que estou no caminho certo quando me sinto inspirada… E com a Paleo aconteceu isso. Estou motivada e positiva? Estou a fazer o meu melhor? Estou a trabalhar para isso? Mesmo que tenha recaídas (óbvio que tenho, sou humana…:) ), estas não duram muito tempo, e logo volto ao foco? Então sim! Estou no caminho certo porque me deixa feliz e o faço para mim, mesmo que influencie outras pessoas, que ao me verem bem, ficam “rendidas” às minhas escolhas.

Tens algum “episódio”, alguma “história” engraçada / diferente / marcante, de que te lembres, relacionada com estas opções de vida?

Ui… Poderia escrever um livro sobre opções de vida Paleo que, como referi anteriormente, vai muito além da alimentação. Parte da forma como encaro a vida: acordo com o pé direito ou com o esquerdo? Olho para o copo meio cheio ou meio vazio? Há 8 anos atrás decidi fazer um jejum com a duração de 21 dias, foi uma opção Paleo? Com certeza! Paleo é saúde e logo é Vida!

Em quase todos aqueles que sentiram grandes benefícios nesta mudança de opções, surgiu um desejo altruista de partilhar com as outras pessoas estes benefícios. Algumas pessoas, como tu, fazem os possíveis por divulgar o “conceito”, por vezes às custas de algum tempo para a família ou lazer… O que te motiva para tal? O que “te move”?

Sou apaixonada pelo que faço! Ponto. Desde muito nova que quero contribuir no Mundo. Quero ajudar, fazer bem, viver bem… Descobri na Paleo uma porta para os meus desejos. Sinto uma honra enorme, e muita humildade… é muito gratificante e agradeço a todas\os pela confiança que em mim depositam.Evans musa inspiradora

Tens feito um extraordinário trabalho, quer na divulgação das melhores opções e sugestões de estilo de vida activo e saudável, quer pela motivação das pessoas que te seguem. Que novos projectos / planos tens para continuar esse “trabalho” em 2019?

Para 2019 eu desejo que o grupo Na Cozinha Paleo com a Evans, que de momento funciona mais a nível virtual, passe a se conectar mais ao vivo e a cores! Que possamos estar mais juntos fisicamente! Seja através de workshops e\ou convívios. Entretanto, vou continuar a evoluir e a motivar-vos com a mesma paixão e alegria, junto da minha equipa e amigos.

PERFIS ANTERIORES:

A não perder os anteriores Perfis (disponíveis nos links abaixo), para ficar a conhecer um pouco melhor gente tão inspiradora…

Suzana Cardoso –  Sejam saudáveis, sejam felizes
Liliana Bento – Ser Feliz, Ser Paleo
Joana Franco e Abreu – 3 para as 2
Marta Simões – Na Caverna da Marta
Márcia Patrício – Os Temperos da Argas | Paleo

 

Print Friendly, PDF & Email

4 COMENTÁRIOS

  1. Adorei a entrevista. Faço parte do grupo desde o inicio com muito orgulho 🙂
    Não participo ativamente porque atulamente não tenho possibilidades para o fazer, pois estou centrada num projeto meu, mas quando posso dou uma espreitadela e é notório que o bom ambiente continua a reinar, o que é de salutar!

    Continuem o fantástico trabalho. Beijos paleo mas docinhos 😉

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here